Total de visualizações de página

"O GUARDADOR DE REBANHOS" ALBERTO CAEIRO


(...)Pensar incomoda como andar à chuva
Quando o vento cresce e parece que chove mais.


(...)Amar é a eterna inocência,
E a única inocência é não pensar...

antoniopais1.blogspot.com

!-- Facebook Badge START -->Antonio Pais

HUMANA

HUMANA
ESCOLHI-TE COMO A IMAGEM DE TODAS AS PESSOAS QUE TÊM SIDO A RAZÃO DA MINHA NAVEGAÇÃO NA BLOGOSFERA

ANTÓNIO PAIS

A inocência de um escritor-menino...

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

BREVE REFLEXÃO SOBRE MEDICINA ALUPATA (CONVENCIONAL) E ALTERNATIVA

"Tinha regressado do Brasil. No dia 22 de Agosto, recebi uma chamada telefónica no meu consultório. A chamada era de Kensington Palace, a casa de Diana, a Princesa de Gales. A secretária particular da Princesa Diana, Jacqueline Allen, estava em linha..." (Dr. Brian L. Weiss)
.
Eu tinha mais ou menos oito anos de idade quando assisti - lembro-me tão bem - ao prolongado sofrimento do meu saudoso pai, em consequência de esgotamento cerebral por excesso de trabalho enquanto desenhador naval no Arsenal do Alfeite.
Os electrochoques eram a prescrição médica favorita dos psiquiatras da época. Tratamento brutal e agressivo, quase desumano, mas era aquilo que os senhores doutores haviam empinado nas Faculdades.
Embora tenha ficado marcado para o resto da sua vida, aconteceu, porém, travar conhecimento com alguém que o encaminhou para tratamentos alternativos. Acompanhado por homens de ciência e de grande humanidade, tais como o Dr. Lyon de Castro, Indiveri Colluci e Fred Vasques Homem, haveria, a partir daí, de se converter ao chamado Naturismo. A sua biblioteca foi crescendo e, inclusivamente, deixou legado ao meu irmão mais novo.
O médico da família respeitava-o, assim como às suas ideias, assentes em fundações e patamares de experiência adquiridos. Nos dias de hoje é muito curioso o meu irmão trocar pacientes com o mesmo médico da família. Diz o médico alupata para alguns dos seus doentes: "- Vou encaminhá-lo para o meu amigo doutor das ervinhas!..."
Um dos últimos presentes do meu irmão foi um autêntico presente de Amor! Materializado na forma de livro. Um tema que não me era de todo estranho, mas que me obrigou a meditar quando até essa capacidade eu estava a perder.
Estamos, obviamente, sempre a aprender com a experiência dos outros. E esse livro ofereceu-me novas descobertas. E, o mais importante: sacudiu-me, despertou-me.
O seu autor: Dr. Brian L. Weiss, licenciou-se pela Universidade de Columbia e recebeu o seu diploma de Medicina na Universidade de Yale. Fez o seu internato no Belevue Medical Center da Universidade de Nova Iorque. Foi residente-chefe do Departamento de Psiquiatria do Mount Sinai Center em Miami Beach, na Florida e Professor Associado de Medicina no Departamento de Psiquiatria da Escola de Medicina da Universidade de Miami. Para além das consultas de Psiquiatria, realiza seminários a nível internacional e programas de formação profissional. Embora com uma extensa bibliografia de saber adquirido, luta ainda contra a resistência da medicina e dos seus tratamentos químicos convencionais.
Ajudou Sylvester Stallone na preparação para o seu papel em Cop Land (Zona Explosiva).
Os jornais escreveram: "Stallone submeteu-se também a preparação interior..." O Dr. Brian Weiss reconheceu: "- O facto de Sylvester Stallone ter tido a coragem de mencionar-me em público significou que milhões de pessoas ganharam consciência do meu trabalho".
"Tinha regressado do Brasil. No dia 22 de Agosto de 1997, recebi uma chamada telefónica no meu consultório. A chamada era de Kensington Palace, a casa de Diana, Princesa de Gales. A secretária particular da Princesa Diana, Jacqueline Allen, estava em linha. "A Princesa adorou o seu livro Só o Amor é Real", informou-me Jacqueline. "Foi um livro que lhe trouxe grande conforto e paz. Ela gostava de falar consigo. Está a planear alguma viagem a Inglaterra em breve?"
"Não", respondi. "Não tenho nada programado, mas tenho a certeza que podemos arranjar qualquer coisa".
"Bem, ela agora está de férias. Ela gostava de contactá-lo quando regressar a Inglaterra".
"Teria todo o gosto", respondi. "Vou enviar-lhe os meus outros livros e algumas cassetes".
Nessa mesma tarde a equipa do Dr. Brian L. Weiss enviou um pacote com livros e cassetes, ficando a aguardar a sua chamada. Brian Weiss há muito que admirava a coragem de Diana, a sua compaixão e todo o seu trabalho social e o modo como ela era capaz de demonstrar grande amor pelas pessoas com Sida e com outros problemas.
É claro que a Princesa Diana nunca chegou a telefonar-lhe. No dia 31 de Agosto, antes de regressar a Inglaterra, morreu num terrível acidente e viação num túnel em Paris.
A Princesa Diana leu aquele livro antes da sua morte física. A altura não foi coincidência. Talvez o livro a tenha confortado em relação à morte do seu pai. Ela ainda o estaria a chorar? O conforto e a paz que ela encontrou no livro estaria relacionado com ele?
Continuando a citar o Dr. Brian L. Weiss: "(...) muitos médicos estão tão ocupados, sob tanta tensão, tão absorvidos consigo próprios, com tanto medo, ou são tão gananciosos, que não têm tempo para escutarem os seus pacientes, para estabelerecem uma relação com eles. Esta condição é trágica, tanto para o médico como para o paciente. O médico nega a si próprio a satisfação de conhecer o paciente numa base pessoal e perde a oportunidade de retirar algum ensinamento desse encontro terapêutico. Sem a gratificação real resultante da ligação pessoa-a-pessoa a prática da medicina torna-se estéril e mecânica. O médico começa a sentir-se constantemente pressionado e atrasado. A depressão e o esgotamento precoce são resultados comuns. Os pacientes sentem-se também pressionados e maltratados, como se o seu único interesse para o médico fosse a sua doença ou um órgão, em vez de serem considerados como pessoas, ou até como amigos. A dignidade e a humanidade do doente sai diluída neste processo.
Todos os médicos podem ficar profundamente sensibilizados se dedicarem o tempo necessário para ouvirem os seus pacientes e aprenderem com eles. Muitos médicos deram-me a conhecer os seus casos "menos usuais", casos em que abordaram áreas que ainda não são ensinadas nas faculdades de medicina. O risco de tomar estas questões públicas é potencialmente grave. Os médicos receiam que as suas reputações, tão arduamente conquistadas, que as suas clínicas, a segurança das suas famílias, inclusivamente as suas relações soiais, que tudo isso vá por água abaixo. Eu compreendo toda esta trepidação. Também eu precisei de uma série de anos para juntar coragem para publicar as minhas descobertas. No entanto, é precisamente por serem credíveis que os médicos têm a oportunidade de dar mais força a estas verdades, revelando as suas descobertas. Dando esse passo, poderão beneficiar milhões de pessoas, bem como a si próprios. Conheço isso perfeitamente. Também estive aí(...)"
.
NR - Este texto foi elaborado a partir do livro:
.
"A Divina Sabedoria dos Mestres"
(A Descoberta do Poder do Amor)
de Brian L. Weiss, M.D.
Edição Pergaminho
.

14 comentários:

Artista Maldito disse...

Olá António

É uma reflexão que merecia debate, aquilo que a minha experiência me diz é ter abertura de espírito nestas matérias que envolvem as duas perspectivas da medicina. Na cultura ocidental, a medicina convencional é prática generalizada, mas a medicina alternativa vai sendo recebida com menos desconfiança. No entanto, há que ter discernimento relativamente a doenças que nenhuma medicina alternativa consegue tratar. Já me tratei com grânulos homeopáticos numa situação de esgotamento, com êxito e num curtissimo espaço de tempo. Talvez as duas formas de ver um doente, na sua totalidade e não unicamente como objecto de diagnóstico, comecem a ser prática generalizada, mas da forma como está o sistema de saúde duvido.

Bacini
Isabel

Artista Maldito disse...

Vim para trás só para acrescentar que o que faz a diferença é a empatia entre o médico e o paciente, é meio caminho andado para uma cura ou para um adequado tratamento.Aí sim, não só o diagnóstico como a cura, fazem parte de uma função que qualquer medicina deve ter em conta e, neste sentido, o doente é visto e tratado no seu todo.

Un altro bacino
Isabel

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO AMIGO, BELÍSSIMO TEXTO... ESTOU MARAVILHADA... SIMPLESMENTE
S U B L I M E AMIGO!!!
BOM FIM DE SEMANA... UM GRANDE ABRAÇO DE CATINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

direitinho disse...

Obrigado Amigo por este trabalho.
Não sei se estamos longe ou perto de conseguir conciliar estas duas alternativas. Depende de cada um como as encara e as procura.
Na novas Medicinas seria muito importante a relação do doente com o médico, mas nem sempre isso acontece e como referiu mexe com interesse já instalados.
Hoje podemos escolher e se não estamos bem servidos mudamos - nos particulares - mas na saúde publica temos de ir aguentando os médicos de família.
Felizmente não tenho razões para me queixar, mas podia ser melhor.

Marlene Maravilha disse...

Excelente matéria!
Durante séculos temos visto esta discussao entre medicina Alternativa e Alopatia.
Realmente os médicos nao tem tempo suficiente e nem paciencia para estudar o lado psicossomático dos seus pacientes.
Eu acredito nas duas em horas diferentes.
Deixo-te o desejo de um final de semana feliz!
Beijo

BANDEIRAS disse...

Muito boa matéria, parabéns amigo.

Bjs e bfs

Artista Maldito disse...

Olá António

Passo para lhe deixar um beijinho e desejar-lhe bom fim de semana.

Isabel

Poesias e Canções disse...

Continuando a citar o Dr. Brian L. Weiss: "(...) muitos médicos estão tão ocupados, sob tanta tensão, tão absorvidos consigo próprios, com tanto medo, ou são tão gananciosos, que não têm tempo para escutarem os seus pacientes, para estabelerecem uma relação com eles.

Não só os médicos andam ocupados com seu próprios problemas;a humanidade de modo geral caminha para o egoísmo;pensadndo o tempo todo em ter e satisfazer seus próprios desejos com respostas do tipo "fast food";ninguém tem tempo para nada;não há tempo para cuidar-se;não há tempo para escutar o próximo e muito menos tempo para falar e ser ouvido;isso certamente tem trazido muitas doenças.
Relacionamento é cura...Ser ouvido;ser olhado nos olhos;receber um aperto de mão significativo;um abraço carinhoso;atenção!
Já passei por médicos que nem sequer me olharam nos olhos ;tanto alopátas quanto da medicina alternativa;mas também tive o privilégio de conhecer outros que só pelo fato de me atenderem bem fizeram-me sentir-me melhor!
As pessoas tem a tendência de procurar os médicos para se livrarem de sintomas...mas precisamos saber a causa ;a raiz daquele mal e arrancá-la de lá de uma vez por todas!
A maioria das doenças tem causa emocional;e muitas vezes ainda que sejam hereditárias podem ser irradicadas se houver um coração saudável"Um coração alegre é saúde para o corpo;mas o espírito triste ;enfraquece os osssos"(Provérbios de Salomão)
Um abraço carinhoso;
Fique com Deus!

Artista Maldito disse...

Concordo com tudo quanto a nossa amiga acabou de dizer. Os médicos preocupam-se com os sintomas, mas e as causas? Muitas vezes há tantas que são psicossomáticas, do foro emocional e o espírito triste enfraquece, cria raízes difíceis de serem arrancadas.

Beijinho
Isabel

soggyscheme disse...

bom trabalho, boas reflexões de palavras.

gostei de te ler.

abc

Marlene Maravilha disse...

Um final de semana feliz!
abracos

ematejoca disse...

Meu caro António!
Andamos ambos fugidos, mas hoje aqui me tem com mais um desafio. Dasio, esse, que acho muitíssimo interessante. Veja o "ematejoca azul".

Até logo!

ematejoca disse...

Meu caro António!
Andamos ambos fugidos, mas hoje aqui me tem com mais um desafio. Dasio, esse, que acho muitíssimo interessante. Veja o "ematejoca azul".

Até logo!

sasaya disse...

That's actually really cool!AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,a片,AV女優,聊天室,情色

digital clock


Myspace Clocks, Digital Clocks at WishAFriend.com

LISTA COM ALGUMA MÚSICA PREFERIDA


MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Pesquisar este blog

Carregando...

STATCOUNTER

ESTES PRÉMIOS/SELINHOS FORAM ELABORADOS PARA OFERECER A TODOS OS QUE FAZEM O FAVOR DE ME VISITAREM

ESTES PRÉMIOS/SELINHOS FORAM ELABORADOS PARA OFERECER A TODOS OS QUE FAZEM O FAVOR DE ME VISITAREM

OS PRÉMIOS/SELINHOS QUE TIVERAM A GENTILEZA DE ME OFERECEREM

OS PRÉMIOS/SELINHOS QUE TIVERAM A GENTILEZA DE ME OFERECEREM
ESTÃO A SER TRANSPORTADOS PARA O "TENTATIVAS II"

A NOSSA AMIGA ADRIANA MARQUES. LINDA!!!

DO BLOGUE DA SONIA SILVINO

Create your own banner at mybannermaker.com!

OBRIGADO E PARABÉNS MARINEIDE

PARABÉNS ODETE DAN

PARABÉNS ODETE DAN
MUITAS FELICIDADES

OBRIGADO MARINEIDE DAN RIBEIRO

OBRIGADO MARINEIDE DAN RIBEIRO
Oferta gentil de http://gregapoemas.blogspot.com

DA LINDA POETISA E AMIGA MARI AMORIM

DA LINDA POETISA E AMIGA MARI AMORIM
Muito obrigado, linda Mari

Minha lista de blogs

Quem sou eu

Minha foto
Já lá vai o tempo do "Currículo"... Espiritualista (estudioso, mas não fanático). Voluntariado